terça-feira, 16 de agosto de 2016

Quando Você se Sobrecarrega




Acho que todos já passaram ou passam ocasionalmente (ou até frequentemente) com o fato de terem diversas coisas para fazer e não conseguir realizá-las, concluí-las e adiantá-las da forma que gostaria. E isso causa uma sensação de impotência e fracasso, como se tivéssemos jogado nosso tempo disponível fora em algo que não sabemos ou nos frustando porque, devido a outras coisas que demandem maior prioridade (entenda: emprego e vida social/relacional) acabamos não concluindo as outras coisas que também possuem importância para nós.

Á medida que vamos crescendo e nos tornando mais consumidos pela rotina cotidiana de qualquer pessoa de vida "normal" menos tempo vamos tendo para as coisas que gostamos e queremos fazer. E parece que cada vez mais o tempo diminui, os dias passam mais rápido, as coisas vão se acumulando e parece que nunca conseguimos concluir nada porque é concluir algo que aparecem mais três coisas pendentes (no mínimo).

É engraçado que quando somos adolescentes, parece que o tempo rende mais. Parece que a facilidade para se fazer determinadas coisas (no meu caso, no quesito de escrever histórias) era maior, o tempo pós escola rendia que era uma beleza e os fins de semana também. Não sei quanto aos adolescentes de hoje mas na minha época era tudo mais suave e eu realmente conseguia fazer muita coisa. Mas daí me tornei adulta, comecei a trabalhar, a vida social começou a crescer, veio os cursos de aperfeiçoamento para o mercado de trabalho, o tempo gasto indo e voltando do emprego, responsabilidades com a casa dentre tantas outras coisas. E a consequência foi uma queda criativa, uma dificuldade maior para fazer coisas que antes fluíam mais fáceis, um tempo mais corrido e limitado para se realizar tudo que se queria além da rotina normal do dia á dia.




A internet  tem sua grande parcela de culpa nessa situação. E não é só porque tendemos a passar mais tempo do que o necessário nela, vagando/vegetando (claro que isso também conta)...e sim porque, graças ás redes sociais acabamos querendo nos comprometer há várias outras coisas. Digo isso por experiência própria. Devido á gigantesca gama de possibilidades que ela nos proporciona acabamos querendo fazer mais do que podemos e o resultado é que ficamos meio perdidos no tanto de coisas para se atualizar.

Eu tenho essa tendência e é difícil abandoná-la. Acho que pelo fato de eu fazer cosplay (mais uma  coisa que toma um tempo danado na confecção de determinados acessórios, na busca por peças a serem compradas, na troca de idéias e aprimorando amizades, planejando grupos e eventos, etc) acabo por utilizar mais redes sociais á fim de divulgar meus cosplays. E nas redes sociais se faz necessário você ter uma atualização constante ou pelo menos tentar manter uma certa peridiocidade.

Eu no momento mantenho  o Facebook (duas páginas além do perfil pessoal), World Cosplay, Blog, Canal do Youtube, Nyah Fanfic, Twitter, Instagram,..e ainda fiz perfil em outras redes sociais que uso pouco como Pinterest, Tumblr e Deviantart. Então eu tenho de constantemente mantê-los atualizados (ok, admito que não sei porque diabos mantenho tantas redes sociais mas se fiz..vou tentar me comprometer com elas). Pode não parecer mas atualizar elas (ainda que eu tenha material) toma um certo tempo principalmente no que diz respeito ao Blog e o Canal que demandam um trabalho maior para elaboração da postagem/vídeo, edição/formatação e etc. Exatamente por isso esses dois são os que mais demoro pra atualizar.




Entretanto, fora isso ainda me deparo com infindáveis coisas para se assistir e ler. E em vez de ver uma destas coisas eu acabo relendo ou revendo alguma obra que eu tenha gostado. Ou seja..se o tempo já é limitado, eu acabo limitando ele mais ainda (eu preciso parar com isso).  Rotina de trabalho, cuidados com a casa e vida social é coisa das quais não temos como abdicar então precisamos nos auto-organizar para fazermos as demais coisas (freelas, hobbys, projetos, etc) mas...como fazer isso?

Bom não é fácil. E não é sempre que dá certo mas o importante é fazer o que se pode e não deixar a procrastinação e aleatoriedades tomarem seu tempo mais do que o necessário. Não vá também se matar de fazer as coisas porque isso pode acabar afetando a saúde (não abdique de horas de sono, de uma alimentação e de um descanso ocasional) e aí a coisa complica e você não poderá fazer nada mesmo.  Também não desista de um programa/evento que você queira muito em prol de agilizar determinadas coisas. Claro, você pode fazer isso algumas vezes mas não faça toda vez senão você ficará cansado, frustado e estressado. Ás vezes espairecer um pouco pode ajudar a recarregar as energias e te deixar mais produtivo. Saiba se auto-liberar mas também saiba se impor limites e focar nas obrigações e deveres dentro do necessário.

Eu costumo usar uma agenda para anotar TUDO que eu preciso fazer, até mesmo coisas mais simples e cotidianas. Faço uma lista e vou riscando á medida que vou concluindo. Uso uma agenda de papel e fico com ela na minha frente quando estou no pc. Assim eu me lembro  oque tenho pra fazer e não corro risco de ficar esquecendo as coisas e só lembrando depois. Claro, não é toda vez que consigo fazer tudo mas pelo menos quando vejo tudo da lista riscado ou boa parte, fico satisfeita consigo mesma.
Faço a lista diariamente, transferindo o que não consegui fazer no dia, para o dia seguinte. Isso me ajuda a lembrar que ainda falta fazer as coisas então tento me disciplinar e tomar vergonha na cara. Eu ainda não cheguei ao ponto de estipular horários para as coisas mas estou pensando seriamente em fazer isso (já aplico no ambiente de trabalho mas não faço ainda nos meus projetos pessoais) para ver se o tempo rende melhor.




Eu gostaria de ser mais eficaz, de procrastinar menos e conseguir realizar mais coisas que tenho vontade ou até mesmo manter um bom ritmo de tarefas realizadas mas a prática é diferente da teoria. Entretanto, aprendi que o importante é focar, não desistir...se bater aquela preguicinha, tentar jogá-la para o lado e fazer o que precisa ser feito (um bom estimulante  que faço é "fazer determinada coisa para só então descansar" ou "fazer tais coisas até sexta-feira para ter o fim de semana livre"). Traçar uma lista tem se mostrado um dos meios mais eficazes para mim no momento mas ainda preciso melhorar. Mas acho que se eu não me colocasse metas, eu estaria fazendo menos coisas.

Normalmente essa sobrecarga que não só eu, mas tantas pessoas colocam em si mesmas vem principalmente da vontade de querer saber e aprender cada vez mais. Se aperfeiçoar, mostrar o que pode fazer, realizar o que quer. Conhecimento nunca é demais e a prática é uma constante que nos motiva á cada degrau que conseguimos subir, independente de ser algo grande ou pequeno. Ler, escrever, interagir, criar, desenvolver...tudo isso é legal, tudo isso é experiência. Ainda que ás vezes fiquemos cansados e sobrecarregados acho que mais do que a frustração por não termos conseguido concluir tudo, temos que focar no que conseguimos atingir até o momento e trabalhar para avançar cada vez mais.

Veja só...eu precisava atualizar o blog e não conseguia achar um tema. E tinha mais coisas para se fazer ainda hoje. Bom, consegui atualizar o blog e ainda fiz várias outras coisas que estavam pendentes. Não conclui tudo, evidentemente, mas avancei um pouco então isso já é válido para continuar seguindo. E se eu, que fico atolada de coisas, tenho tendência a procrastinar, estou com vários projetos inacabados e etc acabo conseguindo progredir um pouco á cada dia, você com certeza consegue também.

~*~


Comente com o Facebook:

2 comentários:

  1. É isso aí Tsu, quando a gente se organiza é muito mais fácil conseguir fazer todas as tarefas que queremos.
    Uma coisa que sinto é que quando uma tarefa prazeirosa começa a ser um peso prefiro abdicar dela menos por um tempo até que se torne divertido trabalhar nela novamente.
    Mas com uma boa organização e determinação sempre dá pra fazer tudo o que queremos e fazer o tempo render bem :D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então Paula..acho que só organizando mesmo pra conseguirmos fazer tudo o que queremos.,.porque se temos m ita coisa pra fazer e tentamos fazer tudo ao mesmo tempo, não se conclui nada, fica tudo inacabado e você fica se sentindo casando e frustrado XD.
      Eu também deixo um pouco de lado quando não é algo tão prazeroso mas tem coisas que se deixamos de lado, acaba-se o pique e não queremos retomar por isso é importante, ás vezes, até fazer uma forcinha e continuar.

      Eu sei que preciso me focar mais e procrastinar menos..aos poucos vamos tentando. Mas tem hora que bate um sono anormal e quando posso tento cochilar nem que seja por 15 minutos...pode parecer pouca coisa mas ajuda pacas depois quando você volta para continuar o trabalho e tudo flui melhor!

      Excluir