terça-feira, 27 de junho de 2017

Concursos Cosplay e seus Problemas






Os concursos cosplay são uma das coisas mais tradicionais e conhecidas em eventos. Eventos nerd/geek/otaku sempre possui um concurso para os cosplayers competirem. Os concursos cosplay incentivam os cosplayers a tentarem fazer sempre o melhor, mostrarem seu trabalho e até mesmo incentivar aqueles cosplayers que estão começando em como é legal você fazer um cosplay e se dedicar á ele.
Sou cosplayer mas não participo de concursos.  Mas antes que me venham atirar pedras pelo que vou dizer, não é porque eu não participe que eu não saiba de diversas coisas que acontecem neles. Já participei de concursos na categoria Desfile algumas vezes e tenho diversos amigos e conhecidos que participam sempre de concursos. Fora que quando problemas relacionados aos concursos ocorrem, a galera resolve mostrar isso nas redes sociais.

É claro que não é todo cosplayer que participa de concursos. Existe cosplayers que não participam, aqueles que participam de vez em quando e aqueles que estão sempre participando. Participar de concursos cosplay não é uma regra mas claro que quando você decide participar de um circuito de competição, acaba seguindo as regras impostas por esses concursos. Algumas regras são padrão (como as categorias, modo de desfilar, tempo de apresentação, caminhe até o X e etc) e outras podem variar de concurso para concurso.

Aqui no Brasil temos diversos tipos de concursos inseridos dentro dos eventos e alguns desses concursos são compostos por circuitos onde o cosplayer deve participar de todos, acumulando pontos e participando de classificatórias e eliminatórias. Os circuitos mais conhecidos são YCC (Yamato Cosplay Cup), WCS (World Cosplay Summit), o Circuito Anime Fest, o CWM ( Cosplay World Master que é internacional mas ocorre classificações em cada país e vencedores de cada um vão competir juntos na final em Portugal) e mais recentemente o concurso cosplay da Comic Con Experience (esta pode ser inclusa pois o prêmio ao vencedor é um carro 0 km).
Há ainda outros eventos que contam com excelentes concursos cosplay, bem organizados, com jurados aptos sa julgar os competidores e com premiações justas (como diversos eventos que ocorrem em vários estados do país,  FestComix, Festival do Japão, etc).

Participar de concursos é legal, motivador e  exige muita dedicação. Além de exigir também muita paciência. Isso porque nesse meio de concursos ocorre muitas tretas e competição não saudável entre alguns, inveja e provocações constantes daqueles que não competem e que fazem uso dos mais variados motivos e experiências para desmotivar ou prejudicar os competidores ou aqueles que desejam competir. Entretanto, não me atearei nesse assunto neste artigo pois ele poderia ser feito em um artigo á parte.

O assunto aqui é que, além de todo o trabalho e problemas que os cosplayers que participam de concursos teêm, eles ainda se deparam com o constante descaso, má organização e falta de profissionalismo de eventos que organizam os concursos cosplay.
Não é de hoje que ocorre problemas nos concursos cosplay organizados pelos mais diversos eventos. Até mesmo nos grandes circuitos ocorreram problemas. Porém existe casos que extrapolam o bom senso e o que era para ser um concurso legal e honesto, acaba se tornando uma palhaçada e falta de respeito com quem está ali se dedicando para fazer um bom cosplay e uma boa apresentação.


Foto cedida pela Nathalia Casalechi



Podemos começar citando o caso que mais gera tretas nos concursos, as famosas "panelinhas". É fato incontestável que isso existe e embora não esteja presente em todos os concursos e classificações, ela está ali muitas vezes. As panelinhas são aquele problema de competidores que ganham não por mérito real mas porque são amigos dos jurados e organizadores e fazem uso dessa vantagem. Existe inclusive o caso reverso: de competidores que são prejudicados pelos jurados simplesmente para estes beneficiarem o competidor que querem ou até mesmo porque não gostam da pessoa e querem desclassificá-la, não importa o quão perfeito ela se apresente no palco. Isso não acontece me todos os concursos, que fique bem claro, mas ocorreu SIM em vários.

Outro problema presente é o descaso de muitos organizadores com os cosplayers competidores. Concursos que ocorrem somente quase ao final do evento quando o cosplayer já está cansado e com a maquiagem (ou algum acessório) comprometido. Não são poucos os casos em que cosplayers foram obrigados a comparecer com horas de antecedência para se apresentarem nos concursos e a organização simplesmente deixá-los esperando por horas atrás do palco (e muitas vezes esse atraso de concursos ocorre por conta de convidados Youtubers que ficam mais tempo do que o previsto no palco).

Mas normalmente o principal problema nos concursos, é acerca dos jurados escolhidos para avaliarem os participantes. Muitos eventos organizam uma banca de jurados que não está realmente apta a julgar os competidores de forma profissional e imparcial. E isso causa muitos desentendimentos e resultados injustos ou equivocados.
Recentemente ocorreu evento no qual a banca de jurados contou com CRIANÇAS para avaliarem os cosplayers competidores, além de pessoas que não entendiam de cosplay e basearam suas avaliações em puro e simples achismo. Houve casos até que concursos escolheram vencedores a partir de votação por "likes' nas redes sociais e até mesmo votação na base de aplausos do público para cada competidor no palco.

Mas o que fazer para reverter essa situação e tornar os concursos mais justos?

Primeiramente é necessário que os organizadores estejam sempre abertos a sugestões dos cosplayers. Muitos organizadores simplesmente ignoram isso e no fim acabam gerando problemas no concurso, prejudicando não apenas os cosplayers participando mas o próprio evento deles (afinal, os cosplayers irão se manifestar nas redes sociais e as notícias e feedbacks correm rápido). É importante que o concurso tenha jurados competentes, imparciais e que principalmente entendam plenamente do que irão julgar. Muitos cosplayers que já competiram em diversos concursos, cosmakers, e pessoas realmente inseridas no meio cosplay e apreciadoras da arte são aptos para julgar os competidores de forma muito mais concisa e profissional do que youtubers e pessoas que pouco entendem sobre.


  
Só pra não dizerem que sou noob, participei de concursos e ganhei 2 vezes.
E ganhei junto com as amigas.



Não é fácil organizar um concurso cosplay. Só quem trabalha nele sabe o quão trabalhoso e exaustivo isso é. Por isso é importante que os concursos cosplay continuem sendo valorizados e apoiados, pois eles incentivam os cosplayers e são uma atração para os eventos. E ás vezes, por conta de muitos concursos cuja organização deixa a desejar, concursos bem organizados acabam sendo prejudicados indiretamente por conta da reação dos possíveis competidores e público. Problemas e atritos todos podem correr o risco de ter, mas através do respeito e debate é possível ambos serem ouvidos e compreendidos (por mais que pareça difícil, é possível sim!)

 É importante aos organizadores levarem em consideração as opiniões e sugestões do público e principalmente dos competidores, pois assim ambos lados estarão ganhando.



~*~


obs: agradeço á Nathalia Casalecchi pelo apoio ao revisar esse artigo!

Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário